Preto ou branco? Talvez o cinza!

Pela primeira vez na vida, comi açaí.
Nunca tive muita vontade de exprimentar, sempre rolava aquela curiosidade básica, mas nada que não pudesse ser superada por outro alimento conhecido.
Pedi uma porção pequena, com leite condensado e granola. Dei a primeira colherada, saboreei, engoli. Repeti o processo, e então fiquei com uma dúvida: “Eu gosto disso ou não?”
Pouco tempo depois, na aula de cozinha, comi salmão com molho de maracujá (que levava polpa, mel, creme de leite, alho, cebola, salsinha, manteiga e vinho). O molho era DOCE, no PEIXE (sempre detestei misturar doce com salgado no prato). Comi, saboreei, mas não sei se gostei ou não.
Pensando nisso, tem uma porção de coisas sobre as quais estou indecisa, como por exemplo:


-Coca Cola (se tiver que tomar, até tomo, mas nunca vai ser minha primeira escolha, e até prefiro tomar água)










-Azul (meu problema com essa cor, é que a acho muito comum. Todo mundo gosta de azul. Não importa pra onde você vai, sempre vai ter alguém usando azul. Opinião que não se aplica ao preto...)




-Praia (tenho nojo de praia. Aquele esgoto, urina, fezes, vômitos, sêmen... Sem contar que aquele sal da água é uó! Mas se for uma praia mais afastada e limpa -tipo a Lagoa Azul- eu até curto)




-Botas extra-longas (sei que está na moda, é tendência forte. Até acho bonita. Mas não consigo tirar a imagem de bota de puta da minha cabeça. Ou então, de fetiche... )









-Paulo Coelho (li a maioria dos livros dele, foi uma leitura interessante, mas não indispensável, como a maioria dos livros que leio)











-Alice no País das Maravilhas (sinceramente, me decepcionei com o filme, achei meio entediante, e broxei com a dancinha do chapeleiro. Mas pode ter sido apenas porque a minha expectativa era muito grande -BURTON e DEPP: Tenho que falar mais alguma coisa?-, mas até que não foi perda de tempo, provavelmente vou assistir novamente... )


Tem mais um monte de inclassificáveis na minha vida, mas talvez isso seja até bom, porque de certo modo, amplia meus horizontes.

0 comentários:

Postar um comentário